Blog Otimizee

Dellagiustina Engenharia: um case de sucesso

Em 2008, quando a Dellagiustina Engenharia se instalou em Jaraguá do Sul, Leonardo, sócio de empresa e parceiro de vida da Débora Dellagiustina, fazia de tudo: fazia projetos, administrava a obra e ainda controlava a parte administrativa e financeira da empresa.

Ela, assim como milhares de prestadores de serviço Brasil afora, abriu um CNPJ para trabalhar, mas não pensou no escritório como uma empresa e não uma pessoa física. Não naquele primeiro momento. 

Débora Dellagiustina, sócia do escritório com o CEO da Otimizee, Luciano Alvarez no estúdio da OCP News.
 Débora Dellagiustina conta como conseguiu colocar a organização do escritório em dia com a plataforma Otimizee.

Em 2009, Débora saiu de uma renomada empresa têxtil onde trabalhava na área de TI e foi ajudar o marido na empreitada administrativa do escritório. No início, ela começou a organizar as finanças e a gestão dos projetos por meio de planilhas de Excel e de ferramentas de Kanban. Ela conta que isso atendeu o escritório de engenharia por um tempo, mas em 2020 veio a pandemia e o cenário mudou completamente.

“Em 2020 começamos a ter um movimento muito grande no escritório de projetos. Então o volume começou a ficar grande demais para ser gerenciado por planilhas e kanbans. Foi aí que eu comecei a pesquisar sobre sistemas de gestão de projetos”, conta ela.

Um amigo, o arquiteto Edson Lima, da Lima & Lima Arquitetura, (que também se tornou cliente da Otimizee – confira aqui no Blog o Case Lima & Lima) foi quem fez a ponte entre a Débora e a Otimizee. “Foi um casamento perfeito”, lembra Luciano Alvarez, CEO da Otimizee.

Uma das maiores dificuldades (ou dores) dos escritórios de projetos era justamente encontrar uma ferramenta que agregasse todas as funções: gestão de funil de vendas, gestão e operação financeira, gestão de projetos e produtividade e gestão de equipes. 

“Quando a gente ia buscar softwares para a gestão da engenharia civil, eles eram direcionados para a construção civil, orçamentação, gestão de materiais que eram comprados para a obra, e não havia nada que integrasse a parte financeira com a de produção”, conta Débora.

Com essa visão alinhada com os seus clientes, a Otimizee foi na contramão do mercado e começou a desenvolver muitas ferramentas independentes. Hoje o sistema conta com CRM, BPO financeiro e gestão de projetos. Outro avanço proporcionado pela plataforma é que o sistema é completo e com uma gestão integrada. “A gente enxergou essa dor e atendeu o mercado porque já tínhamos passado por uma grande fase de desenvolvimento. Então tínhamos conhecimento e segurança do que estávamos fazendo ”, conta Luciano. 

Hora de colocar a organização do escritório em dia

A organização dos processos foi o fator chave para que a Dellagiustina Engenharia se tornasse o primeiro cliente da Otimizee

“Antes do sistema, veio a Metodologia Eficaz, um método de gestão empresarial com base na gestão de projetos. Depois da metodologia validada, nasceu o Sistema de Gestão de Projetos Otimizee com objetivo de tornar o método perene”, conta Luciano. 

Dentre as funcionalidades, a ferramenta permite ver o quanto se está cobrando pelo projeto e se ele está dando retorno financeiro ou prejuízo. O sistema permite ainda saber, ao longo do ano, quantos orçamentos foram convertidos em aprovação, por exemplo. “Com essa integração toda, a gente consegue fazer a gestão integrada dos projetos: saber quanto foi cobrado, acompanhar o desenvolvimento deles, definir etapas, ver o quanto que demandou fazer aquele projeto, quanto custou em mão de obra ou custos terceiros. Com isso sabemos: deu retorno ou não?”, explica Débora.

Outro ponto positivo do sistema Otimizee é que ele implanta processos no dia a dia. Exemplo: é necessário ter todos os dados do cliente, incluindo valores e contrato para lançar no sistema. “Antes a gente já começava a obra sem acertar um valor de contratação. E agora não. A gente precisa ter todos os dados do cliente para passar ao Contas a Receber. E você não se perde porque precisa fazer um contrato assinado para fazer o faturamento e só depois disso é que consegue lançar na produção”, explica Débora. 

Tudo isso gera uma melhor resposta no atendimento ao cliente, afinal, os papéis de cada um ficam claros dentro da organização e as tarefas podem ser melhor delegadas. De fato, quando os três pilares: processos, pessoas e tecnologia estão alinhados, o sucesso é inevitável. 

Já finalizando esse post, vamos falar do BPO financeiro da Otimizee. Esse foi outro ganho para o escritório, que teve de se “desapegar” dos seus velhos esquemas e processos de controle pessoais. “Eu sou um pouco apegada a algumas coisas e quando veio a oportunidade de terceirizar o meu setor financeiro, eu abri mão dos meus processos  porque estávamos com um volume realmente muito grande e eu precisava atender o cliente em todos os aspectos”, conta Débora. 

Com a total adesão ao Sistema de Gestão de Projetos Otimizee aliada a terceirização do setor financeiro, a equipe Dellagiustina Engenharia está mais focada no cliente final e na execução com excelência de seus projetos.

Resultados tangíveis: aumento da produtividade, melhora da organização e mais tempo de qualidade profissional e pessoal. No apagar das luzes isso tudo se reflete na satisfação do cliente. Ele, o cliente, percebe tudo isso!

Vem você também otimizar a gestão do seu escritório e elevar sua produtividade!

Faça como a Dellagiustina Engenharia: Otimizee!

Participação: Débora Dellagiustina


Confira agora mesmo:

DELLAGIUSTINA ENGENHARIA: UM CASE DE SUCESSO
https://youtu.be/tyjoSQM2U8s?si=NeBwnHjxzV1Bjc3X



 

Simbolo mais otimizee
Otimizee sinal